fbpx

Como vender produtos importados da China em 2022

Saiba Como vender produtos importados da china em 2022

A China está se tornando rapidamente uma superpotência de produção, fabricando uma grande proporção dos produtos de consumo do mundo. Importar mercadorias da China provou ser uma tática de sucesso de sourcing global para muitas empresas. Isso representa uma oportunidade fantástica para você como comprador e revendedor

O processo de importação pode parecer, na maioria das vezes, extremamente complexo, confuso e caro. Mas, pode acreditar, importar mercadorias da China é uma maneira poderosa de aumentar a lucratividade do seu negócio de varejo. O sucesso do seu negócio dependerá totalmente do seu planejamento.

Dicas de como vender produtos importados da China

Aqui estão algumas dicas que separamos que ajudarão você a aumentar suas vendas online comprando e vendendo produtos importados.

Dica 1: encontre o nicho de mercado perfeito

Antes de se preocupar com qual produto você irá vender, com a criação da sua loja virtual ou com qual fornecedor irá escolher, você precisa se concentrar no seu nicho de mercado. A dica principal é, ao invés de tentar atingir todos os públicos, seja o específico possível. Por exemplo, em vez de se concentrar no mercado inteiro da moda, foque em um determinado departamento.

Isso permitirá que você tenha bons resultados já no começo sem ter que enfrentar grandes marcas – que têm uma reputação melhor e muito mais recursos de investimento do que você. Para identificar seu nicho, pergunte-se que tipo de hobbie e interesses você já tem. Feito isso, ficará muito mais fácil de planejar suas estratégias de marketing digital.

Depois de identificar um nicho específico, você está pronto para a próxima parte de sua jornada de importação.

Dica 2: selecionando um Produto

Agora que você já sabe o tipo de público que vai atingir, você precisa decidir o que vai vender. Há uma variedade de ferramentas gratuitas e pagas para ver quais tipos de termos estão em alta. Isso inclui a ferramenta de tendências do Mercado Livre, o Google Trends, o Planejador de palavras-chave do Google e muito mais. 

A China é um grande produtor de bens únicos e baratos. Ao adquirir os itens certos para importar e vender, as mercadorias chinesas podem ser usadas para impulsionar a lucratividade e o crescimento, gerando altas margens de lucro para a sua empresa.

Certifique-se de que seu produto tenha pelo menos 5.000 buscas por mês ou você corre o risco de entrar em um mercado muito pequeno para gerar lucro.

Dica 3: encontre um fornecedor pontual

Depois de conhecer seu mercado e o produto que deseja vender, você precisa encontrar alguém que o venda a preço de atacado. Mas não se preocupe, isto é mais fácil do que parece, pois a maioria das fábricas chinesas está presente nos sites abaixo:

Você pode simplesmente procurar aqueles que criam o produto que deseja importar e entrar em contato com alguns deles. O processo de negociação é o próximo passo, e isso requer mais conhecimento do que os passos anteriores. Você precisará ser um ótimo negociador, pois conseguir comprar produtos com bons preços é o que fará toda a diferença.

Dica 4: armazenagem e Logística 

Para você que está iniciando, não sinta a necessidade de guardar os produtos na sua garagem, escritório ou em algum local que seja inapropriado. Você pode contratar outras empresas para manter o estoque para você e até enviar as mercadorias diretamente para os seus clientes. Optando pela modalidade de venda dropshipping você não precisará se preocupar com embalagem, armazenamento, envio etc.

Conclusão 

Quando se trata de administrar um ótimo negócio online, nunca é fácil. No entanto, não precisa se preocupar. Se você planejar as coisas da maneira certa, poderá desfrutar de um negócio altamente lucrativo sem correr tanto risco quanto pensa. Mas certifique-se de passar por todas as etapas acima. Caso contrário, você pode ter alguma surpresa indesejada no decorrer do processo.

Compartilhar:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Últimos artigos